segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

AÇÃO ANTI-PIRATARIA

Tem sido postado em vários blogs - de publicidade ou não. (E, pronto!, vai ser postado aqui também!)

Tem cara de fake.
Será que pega?

4 comentários:

Gabi Buarque disse...

Tive a paciência de ler os 72 comentários que fizeram na coluna do Ancelmo Gois online a respeito desse vídeo e percebi que muitas pessoas estão se questionando sobre a veracidade do vídeo. Acredito que sendo fake ou não, a idéia foi muito boa por 3 principais motivos (sendo esses motivos coincidências ou não)
1)O dia contra a pirataria foi segunda, então o vídeo veio a calhar.
2)O ator é destaque no momento pelo seu grande sucesso, então possui uma afinidade com um público bem grande, o que colabora para que a discussão da pirataria possa atingir todos os lugares sociais e culturais.
3)O tema do vídeo, apesar de já estar massificado e em alguns momentos apresentar uma abordagem meio “piegas”, possui um valor polemico agregado e é inquestionável que mereça atenção e elucubrações, pois toca na questão da ética, tão presada pela sociedade. Sendo assim, o vídeo pode contribuir para fomentar essa discussão (que ainda não se encontra esgotada) e quem sabe, transformar algumas bases sociais específicas.
Apesar disso, como tudo tem seu lado ruim, ele corre o risco de suscitar empatia com uma classe que se identifica com essa classe dos “camelôs”, a partir do momento que o ator reage como reagiu. Mas como ninguém é santo...
E se foi estratégia de marketing, só pelo fato estar gerando a polemica que está, já pode ser considerada brilhante e oportuna.

victor disse...

Bem, eu nao li 72 comentarios sobre o video, so li um, o da gabi... mas achei o video muito interessante pois pode ser visto de maneira positiva sendo "fake" ou nao.
Se o video for fake, pode ser visto com tom de humor, pq o ator faz uma parodia de uma fala do filme "Tropa de Elite", quando fala "voce nao é camelo, voce é muleque" enquanto no filme é dito, justamente para este ator, "voce nao é caveira, voce é muleque".
Ja se for visto como real acho que pode alertar sobre a passividade de todos em relacao a pirataria.
Eu particularmente acho que o video é fake, mas muito bem bolado. Além disso achei excelente a escolha do ator, pois da à pirataria o valor de crime, ja que no filme "Tropa de Elite" ele fez o papel de um policial que tem repulsa pelo que é contra a lei.

Mariana Matos disse...

achei muuuuuuuuuuito forçado. Como ator, ele poderia ter feito melhor, hein....

se fosse pra jogar no mundo o vídeo no nível que está, talvez ficasse mais interessante assumir mesmo a o valor caricato e terminar com um tête-à-tête do aclamado ator com seu público.

filipe sette disse...

Cuidado com os comentários, isso é coisa de professor fanfarrão! rárárárárá!Parabéns!